14 de out de 2011

Sarney blinda receita do Maranhão

Lauro Jardim, Radar on-line
    A resistência de José Sarney em mudar o rateio do FPE [Fundo de Participação dos Estados] se explica em números. Hoje, o Maranhão recebe 3 521 bilhões de reais por ano (terceiro maior beneficiado), enquanto São Paulo, por exemplo, fica com 487 milhões de reais (segundo pior repasse).
    Sarney argumenta que os estados mais pobres têm de ganhar mais – no rateio atual, estados do Norte, Nordeste e Centro-Oeste levam 85% do FPE enquanto Sul e Sudeste ficam com 15%.
    Já o STF e parte dos senadores avaliam que a distribuição deve ser de acordo com a arrecadação de cada estado – menor receita, maior repasse do FPE. Projeto de Randolfe Rodrigues e Romero Jucá, nesse sentido, tramita no Senado desde março, mas encontra obstáculos em Sarney.
De VEJA On-Line

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!