24 de mai de 2011

Na agulha: Glad Azevedo canta Diverdade de Chico Maranhão no MPB Petrobras

Frase do dia

 "O ex-ministro Zequinha Sarney nos apresenta esse exemplo de desenvolvimento sustentável que é o estado do Maranhão”
Deputado Aldo Rebelo (PCdoB) sobre o ex-ministro do Meio Ambiente do governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB)contrário ao projeto de lei que modifica o Código Florestal

Câmara de Salvador promove sessão especial de tributo a Bob Marley

    A Câmara Municipal de Salvador (BA) realiza nesta quinta-feira,26, às 9h, a sessão especial “Um Tributo ao Rei Bob Marley: vida e obra 30 anos depois”. A proposição foi da vereadora Olívia Santana (PCdoB). O evento, que será realizado no Plenário Cosme de Farias, na Câmara Municipal, homenageia o cantor jamaicano, e ressalta a importância de preservar a memória do músico.
    Na mesa do evento estarão presentes, o secretário de  cultura da Bahia, Albino Rubim, o secretário Elias Sampaio, da Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade (Sepromi), a produtora cultural Irá Carvalho, o antropólogo e ator Antonio Jorge Godi, o radialista Ray Companny, além dos músicos Dionorina, Serginho (Adão Negro), Tikão e Banda Santuário.
Do Política Livre

Bulcão dz que daria mais milhões para Beija-Flor desfilar no sambódromo do Rio

    Na visão do secretário de cultura do Maranhão, Luiz Bulcão, a escola de samba Beija-Flor de Nilópolis presenteou a governadora Roseana Sarney ao escolher São Luís para enredo do carnaval de 2012. "Fosse eu não daria 8, mas 18 milhões de reais para a escola. Isso é mídia para o Maranhão", entende o secretário.
    No próximo dia 1º de junho, Bulcão e seus assessores estarão no Rio de Janeiro para o concurso de escolha do samba-enredo da escola que já teve o maranhense Joãosinho Trinta como carnavalesco.
    Na semana passada integrantes da diretoria da escola estiveram no Maranhão sob pretexto de recolher subsídios para elaboração do enredo. Antes já haviam fechado negócio com a governadora. O governo do Maranhão não informou até o momento de quanto será o patrocínio. Diz apenas que vai intermediar captação de recursos junto à iniciativa privada.
    Durante entrevista ao programa "Canta Maranhão", na rádio Educadora, Bulcão debochou do ator Mariano Costa que protestou contra o apoio do governo à escola de samba do Rio em frente ao Palácio dos Leões. "É um maria vai com as outras", desdenhou.
São João
    Por outro lado, Bulcão informa aos pedintes da cultura popular que o São João será enxuto. Contrapõe o corte no orçamento com o congelamento dos cachês das brincadeiras. Em média cada grupo de bumba-meu-boi recebe cachês de R$ 3.500,00 da Secretaria de Estado da Cultura por cada apresentação.
    Este ano a Secma oficialmente apoiará 10 arraiais. Dentre eles está o da Lagoa da Jansen. Frequentado pela classe média de São Luís o arraial na área nobre da cidade uma ideia do deputado estadual Ricardo Murad, cunhado da governadora Roseana, em parceria com a liga do bumba-meu-boi, também gestada pelo hoje secretário de estado da Cultura. 
    Dando prosseguimento à sua cartilha de beija-mão, Bulcão avisa que quem quiser apoio para arraial em sua rua deve procurá-lo.

Voz do Brasil pode mudar de horário

    A Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara, aprovou o parecer do deputado José Rocha(PR) ao projeto de lei que flexibiliza o horário de transmissão do programa de rádio Voz do Brasil.
    O parecer do relator permite às emissoras comerciais transmitir o programa entre às 19h e 22h (horário de Brasília). A transmissão deve ser de forma ininterrupta pelo espaço de uma hora. Segundo o texto, a transmissão passa a ser obrigatória para as rádios comunitárias.
    As emissoras legislativas só poderão alterar a transmissão no horário das 19h, nos dias em que houver sessão deliberativa em plenário. A obrigatoriedade das 19h permanece para as emissoras educativas.
    O projeto ainda depende de votação na Comissão de Constituição e Justiça e no plenário da Casa.

Revelações sobre Bob Dylan no dia em que completa 70 anos

    Bob Dylan, que completa 70 anos hoje, pensou em suicídio e foi viciado em heroína em seu momento de maior sucesso, na década de 1960.
    As informações foram divulgadas pelo amigo e biógrafo do cantor Robert Shelton. Às vésperas do aniversário de Dylan, nascido Robert Allen Zimmerman, Shelton contou à BBC que pretende incluir essa e outras gravações inéditas de conversas com o amigo em uma nova edição de seu livro "No Direction Home".
    "Deixei de usar heroína em Nova York. Estive realmente muito viciado durante determinado período. Eu tinha um vício de US$ 25 por dia e o abandonei", afirmou o cantor em uma entrevista gravada em 1966.
    Foi o ano em que Dylan havia causado grande controvérsia ao apostar numa pegada mais roqueira.
JUDAS
    Seu show em Manchester entrou para a história depois que alguém na plateia chamou-o de Judas por ter abandonado as raízes folk.
    Nas gravações recentemente reveladas, Dylan também fala sobre suicídio. "Sou o tipo de pessoa que se suicidaria. Me daria um tiro no cérebro, saltaria pela janela."
    Sobre suas canções, que foram assunto de ensaios, análises e teses de doutorado, Dylan disse que as vê "com menos seriedade do que qualquer outra pessoa".
    "Sei que não vão me aproximar do céu, não vão me fazer feliz. Não dá para ser feliz fazendo algo divertido."
    Recentemente, Dylan obteve autorização do governo chinês para fazer seu primeiro show no país. No início de abril, "Blowin'in the Wind" foi ouvida no Ginásio dos Trabalhadores de Pequim e no Grand Stage de Xangai. A turnê asiática incluiu uma passagem pelo Vietnã.

Manchetes dos jornais

Maranhão
JORNAL PEQUENO - Greve dos motoristas para 100% dos ônibus em São Luís
O DEBATE - TRT bloqueia R$ 50 mil do sindicato dos rodoviáriosO ESTADO DO MARANHÃO - Greve de rodoviários deixa 550 mil sem ônibus em SL
O IMPARCIAL - Justiça exige fiscais para garantir 80% dos ônibus
Nacional
CORREIO BRASILIENSE:Mortes e mistério no fundo do lago
FOLHA DE SÃO PAULO:Petistas saem em apoio a Palocci para esfriar crise
O ESTADO DE MINAS:Perueiros de luxo invadem Confins
O ESTADO DE S. PAULO:Dilma ameaça vetar se Código Florestal anistiar desmatador
O GLOBO:Principal assessor de Palocci mantém consultoria privada
VALOR ECONÔMICO:Começa nova corrida ao óleo na Amazônia
ZERO HORA:Ligações entre 31 cidades terão custo de chamadas locais
Regional
DIÁRIO DO PARÁ; Dez assassinatos em três dias
JORNAL DO COMMERCIO:Segurança reforçada na porta do Fórum
MEIO-NORTE: 40% da educação eram serviços terceirizados
O POVO:Delegado é ferido em ousado resgate de presos