9 de abr de 2011

Na agulha: Rock da África com BLK JKS

Senador João Alberto pode concorrer a prefeito de São Luís em 2012

    O grupo político do senador José Sarney acrescenta mais um nome às candidaturas a prefeito de São Luís nas eleições de 2012: o senador João Alberto (PMDB). Opaco no Senado, o ex-vice-governador é impelido pelos amigos a participar do pleito.
    A desculpa é boa para abrir vaga para o primeiro suplente Clovis Fecury (DEM), filho do ex-senador Mauro Fecura. Por enquanto a legislação permite a permanência no mandato. Tudo depende então da reforma política.
    Um dos defensores da ideia é o suplente de deputado estadual que deve assuimir nos próximos dias a vaga de Roberto Costa (PMDB), Alberto Franco. No entendimento de Franco o grupo Sarney tem condições de impor uma candidatura vitoriosa para prefeitura de São Luís. Nas eleições de 2008, o então tucano Alberto Franco apoio o correligionário João Castelo.

Moradores da Vila Palmeira e bairros vizinhos reivindicam escola em passeata neste domingo

    Moradores da região da Vila Palmeira realizam neste domingo,10, a partir das 8 horas, pelas ruas do bairro de São Luís, uma passeata para protestar contra a desativação de uma escola da rede pública e o destino que será dado ao local. O ponto de partida da manifestação será o portão do antigo colégio Universitário, Colun, pertencente à Universidade Federal do Maranhão, UFMA.
    Após a transferência do Colun para o campus do Bacanga, o prédio foi abandonado. Cerca de 3 mil alunos de ao menos seis bairros da região estudavam na escola. Os moradores insistem para que no local continue funcionando uma unidade escolar.
    Era intenção da governadora Roseana Sarney (PMDB) instalar no local um centro de detenção da Secretaria de Estado de Segurança. Segundo os moradores o local foi negociado  com a Legião da Boa Vontade, LBV. Não há informação oficial sobre o assunto.

Infraero deixa evidente discriminação com Maranhão

    Enquanto a Infraero improvisa galpões no estilo conteineres para ser usados como salas de embarques no Aeroporto Internacional Cunha Machado, do Tirirical, em São Luís (MA) a prefeitura de Salvador (BA) comemora investimentos de R$ 127 milhões em projeto de ampliação e  reforma do Aeroporto Internacional Deputado Luis Eduardo Magalhães.
    A informação foi repassada pela Infraero ao prefeito João Henrique (PP) na quinta-feira,7, passada. durante reuniõa sobre ações previstas na Matriz de Responsabilidades da Copa do Mundo da FIFA.
    A incompatibilidade do aeroporto Cunha Machado com o movimento do certame internacional de futebol retira São Luís das especulações de cidade-treino em 2014. A reforma meia-boca e os puxadinhos que a Infraero pretende fazer no aeroporto com risco de ser rebaixado da categoria de internacional não deve habilitá-lo para tal destino.

Fórum de Proteção Animal repudia doação do atirador de Realengo

    O Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, órgão colegiado que agrega mais de 100 entidades de proteção animal de todos os estados brasileiros, repudiou nesta sexta-feira, 8, a oferta feita pelo atirador Wellington Menezes de Oliveira, autor do massacre ocorrido nesta quinta-feira, 7, na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro.
    Em carta encontrada no local, Wellington, de 23 anos, disse que gostaria que a casa em que morava, em Sepetiba, fosse doada para instituições de proteção animal.
    A presidente do fórum, Sonia Peralli Fonseca, afirmou que “qualquer entidade de proteção animal veria com horror essa possibilidade, vinda de um assassino que, covardemente, por doença ou seja por que motivo for, matou tantas crianças. Seria a maior impropriedade possível você receber uma doação com essa origem”.
    Para a entidade, que luta para proteger os animais, “principalmente quanto à crueldade impingida pelo ser humano”, a oferta do atirador de Realengo “é impensável de receber”.
    Segundo Sonia Peralli, Wellington prestou um desserviço à causa da defesa animal, ao dizer que os animais são desprezados e abandonados e não têm a mesma capacidade que o ser humano, de se comunicar, trabalhar e conseguir o próprio sustento. Esse argumento foi usado por ele, na carta, para justificar a doação da casa a instituições de defesa animal.
    Ela disse que as duas causas – a do cuidado com o ser humano carente e a do cuidado aos animais – são paralelas, uma não exclui a outra.
    Em nota divulgada à imprensa, o fórum lastima todo e qualquer derramamento de sangue e, sobretudo, a perda de vidas inocentes. “Desejamos ardentemente que os pais e familiares das crianças feridas e assassinadas encontrem algum consolo nesta hora de dor imensurável”.
Da Agência Brasil

Convite - Missa de Sétimo Dia - Jackson Lago ) - PDT de Imperatriz

     O Diretório do PDT de Imperatriz cujos membros estão consternados com o falecimento do Dr. Jackson Lago, convida a todos os amigos, familiares e admiradores para participarem de uma missa que será realizada no próximo domingo (10 de abril) às 10h na Igreja Matriz de Nossa Senhora de Fátima em Imperatriz-MA.
     A missa será celebrada pelo Bispo Diocesano de Imperatriz, D. Gilberto Pastana.
     O Diretório do PDT desde já agradece o comparecimento de todos neste ato de fé cristã.
Partido Democrático Trabalhista
Diretório de Imperatriz-MA

PT do Maranhão se alia a prefeito suspeito de comandar esquema de desvio de R$ 50 mi

   Apontado como chefe de uma quadrilha suspeita de desviar mais de R$ 50 milhões dos cofres da prefeitura de Barra do Corda, oriundos do governo federal, o prefeito Manoel Mariano, Nenzim, costura uma aliança com o PT no município com vistas às eleições de 2012.
    Parte da família do prefeito foi levada para Pedrinhas no início de fevereiro deste ano, presos durante a Operação Astiages, da Polícia Federal. Manoel Mariana e a esposa conseguiram escapar ilesos da Astiages. Após dias foragido o prefeito se safou com habeas corpus conquistado junto ao Superior Tribunal de Justiça.
    Ainda filiado ao PV, Nenzim conversa com o vice-governador do Estado, Washington Oliveira, em torno do nome do funcionário público Paulo Lima. Nenzim, pai do deputado estaduial Rigo Telles (PV), do Bloco Parlamentar pelo Maranhão de apoio à governadora Roseana Sarney, está no segundo mandato consecutivo.
    Em outros munícípios a cúpula estadual do PT costura acordos de toda natureza para eleger o maior número de prefeitos em 2012. Enxerga com isso chances de obter melhores posições para Oliveira quando 2014 chegar.

Sobre a tragédia

Fernando Barros e Silva
SÃO PAULO - Ficamos perplexos e horrorizados diante da tragédia sem precedentes no Rio de Janeiro. E temos, de alguma maneira, necessidade de encontrar uma explicação, ou explicações, para aquilo.
    Como que para driblar nossa impotência, buscamos as motivações do assassino: por que fez isso? Como foi capaz de fazer isso? Especulamos ainda sobre o que poderia ter sido feito para evitar o massacre e como prevenir que isso se repita.
    Sou radicalmente a favor do desarmamento da sociedade. Penso que o país tomou a decisão errada no plebiscito. Também, é óbvio, nada teria contra escolas mais seguras, embora não seja esse o maior problema da educação brasileira.
    Mas, para não alimentar ilusões nem dar curso à demagogia, seria bom reconhecer que a legislação sobre armas não tem relação direta com o que aconteceu. O problema reside antes na facilidade com que se consegue um revólver ilegal.
    A necessidade das TVs (e de sites, jornais e revistas) de manter o assunto no ar deu e ainda vai dar ensejo a enormes batatadas. Divulgou-se que o jovem assassino tinha HIV e que sua carta-testamento faria referências à religião muçulmana. Um canal chegou a promover um debate ao vivo sobre o extremismo islâmico. Estava tudo errado.
    Num momento em que a vida de famílias foram arruinadas e o país está traumatizado, seria preciso, da nossa parte, ao menos zelo para não reforçar preconceitos. Somos impelidos a falar, mas talvez devêssemos aprender a ficar quietos.
    Pelas circunstâncias da tragédia, as especulações se concentram no histórico de vida e nos distúrbios de personalidade do assassino. A mãe biológica tinha problemas mentais, ele foi vítima de bullying, era quietão, antissocial, misógino, fanático religioso -coube de tudo no liquidificador da mídia. Que não se tratava de alguém "normal" agora está óbvio. Mas nenhuma explicação parece satisfatória. Nunca teremos acesso à caixa-preta capaz de decifrar a insanidade deste infeliz.
Da Folha de S. Paulo

Manchetes dos jornais

Maranhão
O ESTADO DO MARANHÃO -Desbaratada quadrilha que explodiu banco 
O IMPARCIAL - Do outro lado - Ex-aliada de Dino vira assessora de Castelo
Nacional
CORREIO BRASILIENSE: Choro, luto e um medo que vai durar para sempre
FOLHA DE SÃO PAULO:Atirador fez mais de 60 disparos contra alunos
O ESTADO DE MINAS: Acidente mata 12 a caminho de festa em MG
O ESTADO DE S. PAULO:Dilma se opõe a aumento da gasolina
O GLOBO:Adeus, crianças
ZERO HORA:Republicanos ameaçam parar governo dos EUA
Regional
DIÁRIO DO PARÁ:Proibido uso de celular nos bancos
JORNAL DO COMMERCIO:O renascimento das vítimas da tragédia
MEIO-NORTE:Massacre interrompe 13 vidas
O POVO: Governo prevê dobro de mortes por dengue