31 de ago de 2010

Tem início amanhã plebiscito sobre limite da propriedade rural

O Brasil é o segundo país do mundo que mais concentra terras, perde apenas para o Paraguai. Essa Realidade pode começar a mudar com um limite por lei à propriedade rurais.
      Entre 1 e 7 de setembro o Fórum Nacional da Reforma Agrária e Justiça no Campo promoverá, em todo o Brasil, o plebiscito pelo limite da propriedade rural. Mais de 50 entidades que integram o Fórum farão da Semana da Pátria e do Grito dos Excluídos, celebrado todo 7 de setembro, um momento de clamor pela reforma fundiária em nosso país.
OS PRAZOS PARA A APURAÇÃO DOS VOTOS
1. A apuração dos votos deverá ser finalizada até o dia 13 de setembro, na sede dos municípios;
2. O envio dos dados do município para o estado deverá ser feito até o dia 20 de setembro;
3. O envio dos dados do Estado para a central de informação nacional deverá ser feito até o dia 23 de setembro;
4. Finalização a apuração nacional até o dia 27 de setembro;
5. Divulgação dos resultados: dias 28 e 29 de setembro;

PV isola Marina e faz campanha para Dilma no Maranhão

Integrante histórico da cúpula do PV, o deputado Sarney Filho não faz campanha no Maranhão para a candidata do partido à Presidência, Marina Silva. O PV no Maranhão é aliado do PMDB, da governadora e candidata à reeleição, Roseana Sarney, que proíbe os verdes de pedirem voto para Marina. A candidata de Roseana à Presidência é a petista Dilma Rousseff, aliada da peemedebista. "Voto na Marina e ela (Roseana) na Dilma. Quando estou com Roseana no palanque dela não faço campanha para a Marina. Roseana não quer. Ela não deixa. Mas meu partido está fazendo campanha para Marina", diz Zequinha Sarney, que é irmão de Roseana. "Não deixo mesmo ele pedir voto para a Marina", corrobora a governadora.
     Na aliança de 16 partidos que apoiam a reeleição de Roseana, quem acaba sendo cabo eleitoral do PV no Maranhão é o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Na semana passada, o senador apareceu pelo menos uma vez pedindo votos para o candidato a deputado estadual Edilázio, que é do PV.
     Marina não aparece na campanha de ninguém do PV. Zequinha não pede votos nem na televisão nem em eventos privados de sua campanha para a presidenciável verde. Foi assim na semana passada, quando promoveu uma reunião em uma casa cinematográfica, em bairro nobre de São Luís. O cenário serviu para gravar depoimentos de correligionários que, dois dias depois, estavam no ar no programa eleitoral de televisão do deputado. Ao lado do pai, José Sarney, Zequinha discursou e pediu votos para sua candidatura à reeleição. Em nenhum momento, no entanto, citou o nome de Marina.
Com informações de O Estado de S. Paulo

Agosto se encerra com 50 homicídios somente em São Luís

O Maranhão de alegria propagandeado pela governadora do estado produziu 50 assassinatos somente em São Luís no mês de agosto. A conta ainda não fechou. Daqui para o fim do dia e mês a soma deve aumentar. O número alarmante é reconhecido pelo próprio sistema de comunicação da família da governadora.
     Desde que assumiu o governo após a "abrilada", a média de homicídio na capital tem sido essa: algo em torno de 50 homicidios no mês. Com este índice São Luís deixa para trás o posto de cidade menos violenta do país. A posição era selada pelo ex-secretário de Segurança, o deputado Raimundo Cutrim (DEM), como resultado de sua gestão, marcada pela mão de ferro.
     Roseana Sarney agora diz que adquiriu um novo helicóptero para o combate à criminalidade pela PM. Esconde que o equipamento foi uma premiação do Governo Federal na gestão da ex-secretária Eurídice Vidigal pela primazia de instalação da Segurança Cidadã. Desviando-se da verdade a governadora só atiça o crime.
     O balanço parcial e refere apenas aos corpos que passaram pelo Instituto Médico Legal em São Luís. Se contar os assassinatos no interior do estado - que acompanha a elevação da capital - o assombro é maior.
     Enquanto isso, no mundo virtual da governadora, o estado é um ninho da paz. E de escândalos na PM. O rosário de pecados do sistema de segurança acumula assassinatos inexplicáveis, como a execução do Sargento Sodré, segurança de Cutrim; a inconfidência criminosa de operações de caça-traficantes entre outras mazelas. Sob o comando do secretário Aluísio Mendes Guimarães, comparsa de Fernando Sarney em transações ilegais, o estrangulamento na segurança se evidenciou.
     Será esse um índice que Roseana quer puxar para cima?

Lula não confirma vinda ao Maranhão

     Não há previsão de visita do presidente Lula ao Maranhão até o dia 3 de outubro, dia da realiação do primeiro turno das eleições deste ano. Até a data o presidente e a candidata petista à presidência da república, Dilma Rousseff, programaram visita ao Ceará e ao Pará.  A visita ao Ceará será nos primeiros dias do mês de setembro.
     Em entrevista à  Rádio Mirante AM, do Sistema Mirante de Comunicação da família Sarney, a candidata da coligação "O Maranhão não pode parar", Roseana Sarney (PMDB), aunciou a provável vinda do presidente - não confirmou se acompanhado por Dilma - no dia da comemoração de aniversário de fundação de São Luís, 8 de setembro.
Das cinco viagens ao Nordeste da agenda do presidente casada com a presidenciável está ainda aberta a visita ao Pará. Lula deve visita ainda uma cidade da região ainda a ser definida. Até o dia das eleições eles participam junto de ao menos 11 comícios pelo país.
     Com 98% de aprovação no Estado a vinda da dupla petista ao Maranhão teria sentido apenas como reforço da campanha da filha do presidente do Senado, senador José Sarney (PMDB), que de acordo com as pesquisas até agora aplicadas junto ao eleitorado, vence no primeiro turno. Roseana cola sua campanha tanto a Dilma como ao presidente que se despede do Palácio do Planalto no dia 31 de dezembro.


No Painel da Folha de S. Paulo

Que fase! Por ora, o placar de 2010 não está bom para Duda Mendonça.Hélio osta (PMDB) principal invesitmento do ex-marqueteiro de Lula, é ameaçado por Antonio Anastasia (PSDB) no disputa pelo governo de Minas. Fernando Pimentel (PT) amarga um distante terceiro lugar na corrida para o senado.Em São Paulo, Paulo Skaf (PSB) permanece nanico.E em Tocantins, Siqueira Campos (PSDB) perdeu a liderança para Carlos Guaguim (PSB).  

Contraponto
Item de colecionador
Ao descer do elevador na visita a favela Santa Marta, Lula foi abordado por um funcionário da Cedae, companhia de saneamento do Rio, que distribuía água aos presentes. Depois de beber, o presidente autografou o copo e  o devolveu ao funcionário, que abriu um sorriso e disparou, levando os presentes às gargalhadas:
- Vou vender ao Eike Batista e ganhar uma nota!

PS - Duda Mendonça foi contratado pela candidata da coligação "O Maranhão não pode parar', Roseana Sarney (PMDB), por mais de R$ 10 milhões.

Os iniciados do beco

Luís Augusto Cassas*
Toda a missão do beco
é tornar-se coração

Toda a missão do beco
é tornar-se coração

Toda a missão do beco
é tornar-se coração
Coração

Luís Augusto Cassas é poeta maranhense. Do livro "Bhagavad-Brita-A canção do Beco" (Imago - 1998)

TSE recebe parecer do Ministério Público em recurso contra candidatura de Roseana Sarney

     A vice-procuradora-geral Eleitoral, Sandra Cureau, enviou parecer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em que conclui pela inelegibilidade de Roseana Sarney (PMDB) ao cargo de governadora do Maranhão nas eleições de outubro deste ano.
     O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) deferiu o registro de candidatura de Roseana Sarney, mas o candidato a deputado estadual pela Coligação O Povo É Maior (PDT-PTC-PSDB), Aderson de Carvalho Lago Filho, recorreu ao TSE.
     No recurso, o candidato coloca três situações que acarretariam a inelegibilidade de Roseana Sarney, mas a vice-procuradora-geral Eleitoral descartou duas, para concluir pela inelegibilidade em uma delas, com base na Lei Complementar 135/10, conhecida como Lei da Ficha Limpa.
     De acordo com Sandra Cureau, em duas ações populares não houve o reconhecimento da responsabilidade de Roseana Sarney. Uma delas pedia a condenação pela atribuição do nome de Roseana em um equipamento comunitário e a outra pela utilização de logomarca de campanha eleitoral como símbolo da administração pública.
     Na terceira ação, a conclusão foi no sentido inverso. Nela, Roseana Sarney foi condenada pela prática de desvirtuamento de publicidade institucional, com objetivo de propaganda eleitoral extemporânea. Segundo Sandra Cureau, foi reconhecida, expressamente, a violação ao parágrafo 1º do artigo 37 da Constituição Federal, o que atrai a incidência do artigo 74 da Lei das Eleições (Lei 9504/97), e acarreta a inelegibilidade prevista na LC 64/90, com a redação conferida pela LC 135/10.
     O relator do recurso é o ministro Hamilton Carvalhido.
     Processo relacionado: RO 303704

Manchetes dos jornais

AQUI-MA -Violência entre meninos: Morte na Funac
ATOS E FATOS - Secretário manda prender policiais que vazaram informações
CORREIO DE NOTÍCIAS - Terminais de integração estão jogados às traças
GAZETA DA ILHA - Ossada no canal do defunto
JORNAL EXTRA - Prefeito só migué: João Castelo deixa terminais da int
JORNAL PEQUENO - Roseana vira "clone" de Dilma, diz Estadão
O DEBATE - Terminais de integração estão abandonadosegração jogados às traças
O ESTADO DO MARANHÃO - 3,5 milhões de maranhenses já recenseados pelo IBGE
O IMPARCIAL -Uma semana sem professor no Estado
TRIBUNA DO NORDESTE - Governo Roseana leva professores a paralisação