18 de jun de 2010

Crise do PMDB com DEM pode retirar mais de dois minutos do horário de TV da campanha de Roseana

O movimento do presidente do PMDB, deputado Michel Temer (SP), para impedir a aliança da regional catarinense do partido com o DEM e o PSDB do presidenciável tucano José Serra causou uma crise que saiu dos limites de Santa Catarina e da própria legenda e chegou ao Maranhão da governadora Roseana Sarney (PMDB).
Decidido a exigir respeito dos catarinenses à chapa da petista Dilma Rousseff, onde figura como candidato a vice-presidente,Temer viajou para a Europa deixando encomendada a intervenção no diretório de Santa Catarina. O DEM deu o troco, falando em intervenção para romper aliança com o PMDB maranhense.
     Na troca de tiros, o poder de fogo do DEM pode ser medido pelo tempo do partido na propaganda eleitoral gratuita que será veiculada por 45 dias pelas emissoras de rádio e televisão maranhenses. Roseana pode perder preciosos 2 minutos e 37 segundos diários no programa de televisão, caso a regional maranhense do DEM lhe negue apoio ao projeto de reeleição, em represália à intervenção nacional do PMDB para impedir a parceria entre os dois partidos em Santa Catarina.
     Foi esse o recado que o presidente nacional do DEM, deputado Rodrigo Maia (RJ), fez chegar ao presidente do Senado e pai de Roseana, José Sarney (PMDB-AP), antes da primeira reunião da Executiva Nacional, terça-feira passada. Àquela altura, o próprio Temer já havia conversado com o deputado ACM Neto (DEM-BA) sobre a aliança no Maranhão, quando foi tratado o caso de Santa Catarina, um dos raros Estados em que o DEM pode vencer a corrida estadual com candidato próprio. Lá, o partido quer eleger o senador Raimundo Colombo governador, em aliança com peemedebistas e tucanos.
     O que deixou Temer furioso foi o anúncio-surpresa do presidente do PMDB catarinense, Eduardo Pinho Moreira, na segunda-feira, dando conta de que ele desistia da candidatura ao governo em favor da tríplice aliança. Ele próprio se lançou vice na chapa de Colombo.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

José Saramago era correspondente da ABL

     O escritor português José Saramago era sócio correspondente da ABL, 7º ocupante da cadeira nº 16.
Saramago encontrava-se doente, de acordo com seu editor, Zeferino Coelho, em entrevista ao jornal português "Público". Suspeita-se que o escritor sofria de problemas respiratórios.
     A informação sobre o falecimento foi passada por sua família à agência de notícias EFE.
     O autor de "Ensaio sobre a cegueira" era um dos maiores nomes da literatura contemporânea e vencedor de um prêmio Nobel de Literatura no ano de 1998. Em 2009, foi eleito sócio correspondente da Academia Brasileira de Letras, com 28 votos. Além disso, fez lançamento mundial do livro "A viagem do elefante", em novembro de 2008, na ABL.
     Entre seus livros mais conhecidos estão "O evangelho segundo Jesus Cristo", "A balsa de pedra" e "A viagem do elefante".
Veja o que disseram sobre o escritor que morreu:

Ferreira Gullar, escritor e poeta maranhense
     “Saramago tinha uma maneira muito própria de escrever. Era criativo, polêmico e deu uma grande contribuição à literatura mundial. Não era seu amigo pessoal e me encontrei com ele apenas em duas ocasiões, mas pude perceber que era um homem muito inteligente. Para mim, 'Memorial do Convento' foi a obra dele que mais me marcou porque reúne todas as melhores características do escritor, dono de uma literatura muito original.”

Marcos Vilaça, presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL), em comunicado oficial
"     A Academia estava aguardando a informação de quando José Saramago viria ao Rio para providenciar a organização da sua posse na Cadeira 16 de Sócio Correspondente. A notícia nos deixou em estado de enorme tristeza. A próxima sessão acadêmica, quinta-feira que vem, dia 24, na ABL, será dedicada à memória do grande escritor português, por quem sempre tivemos o maior respeito e admiração”

Juca Ferreira, ministro da Cultura
     "O escritor José Saramago mantinha relações privilegiadas com o Brasil. Esteve presente em diversos eventos literários no país e se tornou muito popular antes mesmo de conquistar o Prêmio Nobel. Em romances como 'O Ano da Morte de Ricardo Reis', o Brasil faz parte das reflexões do grande escritor. A sua perda é recebida com muita tristeza, particularmente pelos que têm apreço pela língua portuguesa e por sua importância cultural em tantos continentes. O Ministério da Cultura do Brasil se soma aos que lamentam e manifestam a dor pela perda desse grande escritor."

Petistas estão liberados para apoiar candidatura de Flávio Dino no Maranhão

     Os petistas do Maranhão contrários à aliança com o PMDB, em apoio à candidatura da governadora Roseana Sarney à reeleição, estão liberados para apoiar qualquer candidatura do arco de aliaças do PT Nacional.
     "O acordo foi o reconhecimento do direito dos companheiros de apoiar o deputado Flavio Dino (PCdoB). Foi assinado pela liderança da bancada e tem o aval do presidente nacional, José Eduardo Dutra", afirmou o deputado Domingos Dutra.
     A decisão consta em documento avalizado pelo diretório nacional do PT assinado até o momento por Geraldo Magela e Fernando Ferro (PE), lider da bancada do partido na Câmara dos Deputados.
     Com a aprovação da proposta apresentada por uma banda do PT, o deputado federal Domingos Dutra, o líder camponês Manoel da Conceição e a ex-deputada federal Terezinha Fernandes suspenderam a greve de fome que mantinham em protesto contra a determinação do comando nacional do partido.
     Manoel da Conceição está sendo atendido no Instituto do Coração, em Brasília, depois de ter sido atendido no Departamento Médico da Câmara. Ele apresentava desde o início da manhã um quadro de desidratação crônica, correndo risco de morte, segundo médicos que o atenderam.
     Aos 75 anos e com problemas de saúde decorrentes da diabetes, Manoel da Conceição é o mais antigo filiado ao PT.
     O presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou um emissário para saber as condições de saúde do líder camponês do Maranhão. A esposa de Conceição, Denise, reclamou que somente agora o presidente tomou conhecimento do gesto de protesto dos petistas que não concordo com a aliança com os Sarney.
     Dutra esclareceu que dianta da nova situação manterá sua candidatura à reeleição como deputado federal.  A greve de fome do deputado durou exatamente uma semana. Hoje pela manhã o deputado foi encontrado inconsciente pela esposa, Núbia Dutra, e levado ao Departamento Médico da Câmara.
     O médico da Câmara dos Deputados não permitiu a entrada da reportagem e não quis anunciar o diagnóstico do paciente. Pelo Twitter, Dutra avisou que estava com um problema renal.
Movimento
     Nesta sexta-feira os petistas maranhenses vão fazer uma caminhada no centro de São Luís no final da tarde para esclacer a população sobre a situação de conflito do partido no Maranhão. A concentração será a partir das 15 horas na sede do diretório estadual do PT, na Rua do Ribeirão. Antes, a ex-deputada Terezinha Fernandes, que também saiu da greve de fome, vai divulgar o documento do acordo.

Agenda cultura: Grupo leva brincadeiras juninas maranhenses para o circuito de São Paulo

Saramago deixa a terra e se torna letra viva

"Acho que na sociedade actual nos falta filosofia. Filosofia como espaço, lugar, método de refexão, que pode não ter um objectivo determinado, como a ciência, que avança para satisfazer objectivos. Falta-nos reflexão, pensar, precisamos do trabalho de pensar, e parece-me que, sem ideias, nao vamos a parte nenhuma.", está postado no blog  outros cadernos do escritor português José Saramago que morreu nesta sexta-feira, 18 de junho de 2010 aos 87 anos de idade.
     Segundo Saramago, único escritor dalíngua portuguesa a ganhar o Nobel de Literatura,  com o advindo do blog "está se escrevendo mais, embora pior". Ele preparava lançamento de livro reunindo textos escritor em seu blog.
     Veja trecho de Caim, livro lançado em 2009 por Saramago.

Em greve de fome Manoel da Conceição está grave e Dutra apresenta sinais de inconsciente na Câmara

     É grave o estado de saúde do líder camponês maranhense Manoel da Conceição. Ele está sendo atendido no departamento médico da Câmara Federal e apresenta um quadro de desidratação crônica. Conceição se recusa a ingerir qualquer líquido. Também mergulhou num quadro de inconsciência o deputado federal Domingos Dutra. Os dois petistas estão em greve de fome em protesto pela decisão da direção nacional do PT que obrigou a legenda no Maranhão a aderir à candidatura de Roseana Sarney
     Depois de suspender na quarta-feira à noite a greve de fome iniciada na sexta-feira passada,11, Manoel da Conceição deixou de se alimentar na tarde de ontem, em protesto contra a direção nacional do PT que não apareceu para uma reunião combinada na véspera. Na reunião seria discutida uma saída para o impasse. O líder camponês que perdeu uma perna durante a ditadura miliuar foi a terceira pessoa a assinar a ficha de filiação do PT após o registro do partido na Justiça eleitoral. Hoje é o filiado mais antigo.
     Dirigentes nacionais do PT se deslocaram para a Câmara para acudir os petistas maranhenses. Junto com o ex-prefeito de Imperatriz, Jomar Fernandes, eles tentam demover Conceição e Dutra de dar continuidade ao protesto.
     No Maranhão, desde segunda-feira a ex-deputada federal Terezinha Fernandes também entrou em greve de fome em solidariedade aos dois companheiros do PT. Na manhã de ontem em entrevista coletiva a ex-parlamentar disse que só sairia da greve após a direção nacional liberar a banda do partido que não quer aliança com os Sarney no Maranhão a apoiar a candidatura do deputado federal Flávio Dino (PCdoB) ao governo, conforme resoluçaõ retirada do encontro de tática, em março.

Maranhão: Lagoa de Matões

Petistas organizam caminhada de protesto contra intervenção no Maranhão nesta sexta-feira

     Militantes petistas fazem  na tarde desta sexta-feira, 18, uma caminhada pelas ruas do Centro de São Luís em protesto contra a determinação do diretório nacional de obrigar o PT do Maranhão a apoiar a candidatura de Roseana Sarney.
     A concentração será na sede do partido, na rua do Ribeirão, a partir das 15h. Após a caminhada, haverá também plenária popular, na Fonte do Ribeirão.
     Segundo os militantes,  a manifestar servirá para chamar atenção da situação dos petistas Manoel da Conceição, Domingos Dutra e Terezinha Fernandes, que estão em greve de fome em protesto contra a intervenção nacional no PT maranhense.
     Pela decisão do diretório nacional  do PT, o Encontro Estadual realizado no Estado que decidiu apoiar a candidatura do deputado federal Flávio Dino (PCdoB) foi desconsiderado.
     O ex-prefeito de IMperatriz, Jomar Fernandes, estáem B\rasília para auxiliar o deputado Domingos Dutra e Manoel da Conceição, em greve de fome desde sexta-feira, debaterem uma saída sem trauma do conflito interno do PT.







Museu de Tudo: Foto interna do antigo terminal rodoviário de São Luís na Avenida dos Franceses

Agenda: Entidades promovem palestra sobre arte e meio ambiente

     O Fórum Carajás e a Somadema através do seu espaço cultural chamado “Cumbuca do Saber” está elaborando neste ano de 2010 uma programação voltada para os diversos temas de interesse das populações e grupos locais. Também no sentido de fortalecer seus parceiros e apresentar o novo endereço de estabelecimento do escritório da Somadema.
     Dando inicio a esta nova fase temos o tema: “ Arte e Meio Ambiente” e a importância nos trabalhos socioambientais dos movimentos e organizações ( Célida Braga- Arte Educadora) que ocorrerá nesta sexta-feira, 18, às 18h30, na sede da Somadema à Rua João Gualberto, 49, Loja 02 ( Em frente a Livraria Poeme-se) na Praia Grande.

Manchetes dos jornais

O ESTADO DO MARANHÃO - Lei da Ficha Limpa vale para todos os condenados
O IMPARCIAL - Decisão do TSE tira Jackson da disputa
O QUARTO PODER - Educação prejudicada: Professores seguem em greve no município