15 de jul de 2011

Flávio Dino dispensa comentários sobre o Maranhão no Salão de Turismo no twitter

    Presidente da Embratur, o ex-deputado federal do Maranhão Flávio Dino (PCdoB), ignorou em seu twitter a participação do Maranhão no 6º Salão do Turismo – Roteiros do Brasil  no Parque do Anhembi, em São Paulo, até domingo 17.
    Um dia antes da abertura do Salão, na terça-feira,12, em Brasília, Flávio Dino manteve conversas com o deputado federal Osmar Júnior (PCdoB), que procurou o presidente da Embratur para tratar da divulgação do Delta do Parnaíba. Durante o salão Flávio Dino chegou a se reunir com os secretário de turismo do Nordeste.
    Junto com o ministro do Turismo, Pedro Novais, Dino participou do lançamento da campanha Brazil Amazing Tour em reunião com  o presidente do Fornartur, Domingos Leonelli (secretário de Turismo da Bahia); e a presidente da CTI Nordeste, Danielle Novis (secretária de Turismo de Alagoas).
Siga Flavio Dino no Salão:
FlavioDinoFlávio Dino
RT "@EmbraturNews: O ministro Novais, e o presidente da Embratur, @FlavioDino, lançaram a nova campanha publicitária Brazil Amazing Tour."
FlavioDinoFlávio Dino
Hoje participei de reuniao com secretarios de turismo da regiao sul e de apresentacao de campanha publicitaria do nordeste.
FlavioDinoFlávio Dino
Fiz reuniao hoje com os secretarios de turismo do Nordeste. Amanha, com os da regiao sul.
FlavioDinoFlávio Dino
Hoje almocei com o secretário/ministro @CaioCarvalhoSp. Agradeço a gentileza e as valiosas opinioes.
FlavioDinoFlávio Dino
Nota triste foi o acidente aereo de hoje. Solidariedade às familias das vitimas. Fizemos um minuto de silencio na abertura do Salao.
FlavioDinoFlávio Dino
Dia intenso no Salao Nacional do Turismo. Entrevistas e reunioes produtivas.
FlavioDinoFlávio Dino
O Salao Nacional do Turismo é um grande sucesso. Todas as equipes estao de parabens, inclusive a nossa, da Embratur.
FlavioDinoFlávio Dino
Não se arrependa. Venha. RT "@RollembergPSB: Chegando em SP para o Salão de Turismo ... agonia trânsito caótico. Já estou quase arrependido"
FlavioDinoFlávio Dino
Agora no Anhembi, em Sao Paulo, participando da abertura do Salao Nacional do Turismo.
FlavioDinoFlávio Dino
Em Sao Paulo, para participar do Salao Nacional do Turismo, que começa amanha.
FlavioDinoFlávio Dino
Hoje recebi o deputado Osmar Junior, que veio tratar de apoio ao turismo no Delta do Parnaíba e na Rota das Emoções.

Lençóis Jazz e Blues reúne nata da música brasileira no Maranhão

O guitarrista Victor Biglione
    O III Lençóis Jazz e Blues Festival e I Lençóis Jazz e Blues:circuito São Luís. Dois eventos da mais alta qualidade e com programações imperdíveis: o primeiro em Barreirinhas, na porta de entrada dos Lençóis Maranhenses, e o segundo em São Luís, cidade que em 2012 completára 400 anos. Serão dezessete shows e mais de cinqüenta músicos envolvidos, além de produtores, técnicos de luz e de som, entre outros profissionais ligados ao show business.
    Entre os artistas já confirmados para a edição de 2011 estão Ithamara Koorax, Victor Biglione, a harpista Cristina Braga, Taryn Szpilman,Yamandu Costa,Gilson Peranzetta, Mauro Senise, Artur Menezes, Nelson Faria, Ney Conceição, Jefferson Gonçalves, Robertinho Chinês,Quarteto Cazumbá, Edson Travassos, Andréa Canta, Mila Camões e Banda, Marcelo Carvalho , quarteto e o convidado especial Zé Américo, Sávio Araujo e Banda e Jair Torres e Trio.
    Este ano e pela primeira vez o projeto será realizado em dois circuitos. Em São Luís, no teatro Arthur Azevedo, nos dias 9 e 10 de agosto e logo depois em Barreirinhas, nos dias 12 e 13, no Gran Solare Lençóis Resort e no dia 14, no centro da cidade (Beira Rio), quando será aberto ao público.

Petista da resistência no Maranhão lançam Bira do Pindaré para prefeitura de São Luís

    Em manifesto elaborado durante seminário realizado no final de semana passado com participação de membros do diretorio nacional do PT, petista do Maranhão não alinhados ao PMDB da governadora Roseana Sarney no estado lançam a candidatura do deputado estadual Bira do Pindaré à prefeitura de São Luís.
    Além de Pindaré outros nomes são postos como virtuais candidatos a prefeituras de municípios maranhenses, entre eles Imperatriz, segundo maior cidade do estado administrada pelo petista Jomar Fernandes. São apresentados como pretensas candidaturas à sucessão do tucano Sebastião Madeira os nomes da ex-deputada federal Therezinha Fernandes, mulher de Jomar, e dos militantes Expedito Veloso e Adalberto Franklin.
    Os petistas adotaram postura amena em relação à oligarquia Sarney no estado. Em nenhum momento é nominado o líder político da oligarquia mais longeva do país.
Veja na íntegra o Manifesto da Resistência Petista:
    Militantes e dirigentes municipais e estaduais do PT, integrantes das correntes abaixo apontadas e independentes, reunidos no Seminário, no dia 09/07/2011, que discutiu a Construção de Estratégias para o PT/MA, no Auditório do Sindicato dos Bancários, em São Luís -MA, estando presentes municípios de todas as regiões do Estado do Maranhão, além de Renato Simões e Dep. Marcelino Galo, membros da Direção Nacional do Partido, resolveram livremente.
      Intensificar os esforços pela manutenção do PT do Maranhão fiel à sua tradição de luta por um estado verdadeiramente democrático, tendo como foco principal a defesa dos interesses da maioria de sua população e o consequente fim do modelo oligárquico de dominação política.
  1. Reafirmar a independência do partido em relação ao grupo que governa o estado há mais de 40 anos.
  2. Construir um programa de desenvolvimento para o Maranhão de superação da pobreza e da miséria, em conjunto com forças políticas e sociais democrático-populares e de esquerda, visando à construção de um bloco histórico como base para a disputa de poder no estado e fortalecendo nossas lideranças em pontos estratégicos do Estado.
  3. Dar integral apoio ao movimento sindical e aos movimentos sociais que lutam pela melhoria da qualidade de vida do povo maranhense, especialmente aqueles que representam legitimamente os mais pobres.
  4. Armar o partido para o próximo embate eleitoral, de 2012, com o fortalecimento da formação política e da organização pela base, com ênfase no programa de mudanças do campo democrático e popular e na conquista de fortes bancadas de vereadores e prefeitos, visando acumular força para as eleições de 2014. Para tanto, anuncia alguns pré-candidatos a prefeito já confirmados para discussão nas instâncias do Partido, relacionados a seguir: Bira do Pindaré (São Luís), Genilson Alves (São Mateus), Arnaldo Colaço (São José de Ribamar), Terezinha Fernandes, Expedito Veloso e Adalberto Franklin (Imperatriz), Socorro (Centro Novo), Valdemar (Satubinha), Adrovando (Presidente Médici), Odívio Neto (São João dos Patos), ex-vereador Cacá (Guimarães) e outros ainda a serem anunciados.
  5. Organizar Seminários para discutir um projeto para cidade de São Luís e outro sobre a Reforma Política;
  6. Ratificar a formação da Resistência Petista, que se constitui enquanto movimento interno do Partido dos Trabalhadores, integrando todos os militantes e lideranças de todas as forças políticas internas que continuam sonhando e lutando pelos objetivos acima expostos. Dialogando com as outras forças políticos da direção do PT Nacional e Estadual, assim como os aliados do campo democrático e popular da base aliada do governo Dilma.
  7. Constituir, como coordenação deste Campo Político, um coletivo com participação de um representante por força política.
 São Luís, 09 de julho de 2011.
Assinam: Militância Socialista, Mensagem ao Partido, Tendência Marxista, Democracia Socialista, Articulação de Esquerda, Coletivo Rebuliço, Reage PT, Coletivo Vanguarda e independentes.

Abusos de autoridade de policiais militares e civis são flagrantes nas ruas de São Luís

    O caso do abuso de autoridade por parte de policiais civis registrado hoje em São Luís culmina procedimentos que vêm ocorrendo costumeiramente na cidade. Seja civil ou militar, os agentes de segurança pública fardados ou à paisana envergam a empáfia da autoridade. A postura móbida os confunde com delinquentes exibicionistas.
     O abuso de policiais civis e militares que conduzem viaturas pela cidade é rotineiro.Na quinta-feira,15, por volta das 10h30 da manhã, uma viatura da polícia civil subiu a calçada do Teatro Arthur Azevedo, na rua do Sol, e permaneceu estacionada durante dez minutos enquanto aguardava uma funcionária que se dirigiu à agência bancária do outro lado da rua.
    No mesmo dia, minutos depois, outra viatura, esta identificada pela placa NMU -2969, subiu a calçada à esquerda da mema rua no sentido Deodoro - praça João Lisboa. Durante mais de vinte minutos esteve estacionada no local, impedindo a passagem de pedrestres pelo passeio público. Um policial militar da dupla que se encontrava no veículo, sem pressa atravessou a rua para ir até a casa lotérica. Um segundo policial militar permaneceu na viatura  acionando a sirene de ora em ora sem o menor constrangimento. Nisso tem demonstrado eficiência.

Filho de guitarrista do Pink Floyd é condenado a 16 meses de prisão por participar de manifestação

Charlie Gilmour, filho de David Gimour
    Charlie Gilmour, o filho do guitarrista do Pink Floyd, David Gilmour, foi condenado nesta sexta-feira a 16 meses de prisão por ter participado em distúrbios durante uma manifestação estudantil em dezembro passado, em Londres, incluindo protestos contra a comitiva do príncipes Charles e sua esposa Camila.
    Charlie Gilmour se declarou em uma audiência em maio passado. Ele foi fotografado enquanto escalava o Cenotáfio, o principal monumento aos mortos do Reino Unido, perto do parlamento, e quando se agarrava à bandeira.
    Também era acusado de ter jogado uma lata de lixo contra um dos carros da comitiva na qual se encontravam Charles e Camila, que se dirigiam ao teatro. Charlie Gilmour, 21 anos, pulou sobre o capô de um carro que transportava membros do serviço de segurança do príncipe e quebrou a vitrine de uma loja.
    Ele foi preso em casa depois da manifestação que protestava contra o aumento do taxa da inscrição universitária.

Telebras negocia com empresa de TV a cabo em São Luís para implantar PNBL em outubro

    Provavelmente a partir do mês de outubro o Maranhão já estará integrado ao Programa Nacional de Banda Larga – PNBL – criado pelo Governo Federal tem o objetivo de ampliar o acesso à internet no país.
    A Telebras negocia com uma empresa de televisão a cabo em São Luís para começar a operar na capital maranhense com preços mais acessíveis. No momento não há provedor no estado habilitado junto à Telebras, que pretende levar internet com velocidade de 1 Mbps para todo o país, com custo de R$ 35 ao mês para os assinantes
    O PNBL é uma política pública instituída pelo Decreto 7.175 de 12 de maio de 2010, com o objetivo de fomentar e difundir o uso e o fornecimento de bens e serviços de tecnologias de informação e comunicação
    O plano será implementado por meio das ações fixadas pelo Comitê Gestor do Programa de Inclusão Digital- CGPID, instituído pelo Decreto no 6.948, de 25 de agosto de 2009, e estabelece que a Telebrás – Telecomunicações Brasileiras S.A – será responsável pela consecução dos objetivos previstos no referido Programa.

Amigos do Poder

Luiz Garcia
União Nacional dos Estudantes abriu esta semana em Goiânia o seu 52º - congresso. Já está bem velhinha essa instituição que representa os universitários brasileiros: nasceu em 1937 quando o Conselho Nacional dos Estudantes trocou de nome.    Durante grande parte de sua história, a UNE teve pauta dupla. Defendia os interesses naturais dos estudantes principalmente os universitários e fazia política, quase sempre de esquerda. O que era inevitável, principalmente quando os governos eram de centro e de direita, como no caso do regime militar de 1964. Teve papel importante, por exemplo, na famosa passeata dos cem mil no Rio. A marcha ocupou toda a Avenida Rio Branco, da Cinelândia à Candelária. E não faltou quem se juntasse à manifestação sem motivos políticos: aderir à marcha era a forma mais prática, ou a única, de chegar à Praça Mauá.
    No congresso deste ano em Goiás, temos uma UNE politizada como sempre, mas com um perfil raro em sua história: o de uma amiga do governo. O encontro, que deverá custar cerca de R$ 4 milhões, será financiado por entidades como a Petrobras e outras estatais, além do governo estadual e da prefeitura de Goiânia. Não é de se estranhar: a UNE é velha aliada de Lula, que deve aparecer por lá; outro que deve ir é o ministro da Educação, Fernando Haddad. Outros ministros também foram convidados.
    Não é de se estranhar a presença de políticos numa reunião onde deverão estar dez mil jovens eleitores. Mas é fenômeno raro na história política do país que sejam todos, ou quase todos, gente do governo. O apoio financeiro ainda bem que ostensivo dos cofres públicos faz sentido do ponto de vista de quem tem as chaves desses cofres. É um gesto politicamente rentável para os ministros que forem a Goiás e para as autoridades locais.
    Mas a opinião pública perde alguma coisa com isso. Os movimentos jovens costumam ser, nos países democráticos, enfáticos e entusiasmados fiscais dos ocupantes no poder. No Brasil destes dias, não parece que seja bem assim. Uma pena.
De O Globo

No Painel da Folha de S. Paulo

Faroeste
A Câmara assistiu na segunda a bate-boca entre Domingos Dutra (PT-MA), adversário da família Sarney, e Francisco Escórcio (PMDB-MA), aliado do clã. O peemedebista acusou o petista de mandar sequestrá-lo. "Eu discuto com o dono da fazenda, não com jagunço", respondeu Dutra.
Por Renata Lo Prete

No claudiohumberto.com.br

ANTAQ APROVEITA CRISES PARA FORÇAR “PRIVATIZAÇÃO”
Fernando Fialho, diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), aproveitou as crises políticas envolvendo os ex-ministros Antonio Palocci e Alfredo Nascimento para tentar emplacar – em longo ofício ao Tribunal de Contas da União – o entendimento de empresas como a empreiteira Odebrecht, favorável à privatização branca dos portos no País, em posição oposta a do governo Dilma.

NOVO MARCO
Ainda ministro, Antonio Palocci informou ao TCU que o governo apenas estuda um novo marco regulatório para o setor portuário.

MUITO SUSPEITO
O Sindicato dos Operadores Portuários da Bahia também fez ao TCU grave denúncia sobre o favorecimento da Antaq a grupos privados.

OUTRA DA ANTAQ
A denúncia: a Antaq cobra R$ 6,90 dos portos públicos por tonelada de carga movimentada e só R$ 0,36 dos privativos, em prejuízo do Erário.

Manchetes dos jornais

Maranhão
ATOS E FATOS - DEM pode punir deputados que deixarem o partido
JORNAL A TARDE - PDE, TJ e PGE discutem reserva de vagas a egressos do sistema prisional
O DEBATE - União receberá R$ 55 milhões desviados do dinheiro público
 ESTADO DO MARANHÃO - Exportações no agronegócio do Maranhão sobem
O IMPARCIAL - PM exclui 20 membros por desvio em um ano
Nacional
CORREIO BRASILIENSE:Reforço no caixa dos aposentados
FOLHA DE S. PAULO:Obama pressiona Congresso para evitar dar calote
O ESTADO DE MINAS:Agora é melhor trabalhar no Brasil
O ESTADO DE S. PAULO:Mulher de diretor do Dnit tem contratos para rodovias
O GLOBO:Medo de calote leva China a pedir responsabilidade aos EUA
VALOR:Usinas terão de garantir abastecimento de álcool
ZERO HORA:MP e TCE investigam contratos de pardais em 58 municípios
Regional
JORNAL DO COMMERCIO:Mortos antes da explosão
MEIO-NORTE:Convênio destrói mitos sobre aerorporto
O POVO:Ministério Público investiga caso dos banheiros