17 de ago de 2010

Charge do dia

Vereador Jefferson quer reforçar apoio a Jackson Lago em Bacabeira‏

     O líder da Oposição na Câmara de Bacabeira, vereador Jefferson Calvet, reafirmou seu apoio à candidatura do ex-governador Jackson Lago (PDT) ao Governo do Maranhão. Jefferson que já havia declarado ser contrario à cassação de Lago, manteve seu posicionamento e disse que é preciso que o “tribunal do povo” tome uma decisão em outubro.
     “Se Jackson errou ou não, só quem deveria julgar era o povo que o elegeu. O que aconteceu no Maranhão, com a cassação do Jackson Lago, foi o maior absurdo que já ocorreu neste estado. Os poderosos que já comando o Maranhão há mais de 45 anos, não aguardaram a decisão do ‘tribunal do povo’. Preferiram apelar para o tapetão”, disse.

Governo Roseana Sarney não avança na defasagem de bibliotecas públicas no Estado

     Filha do senador José Sarney (PMDB-AP), membro das Academias Brasileira e Maranhense de Letras, a governadora Roseana Sarney (PMDB) definitivamente não tem apreço pela educação, tampouco pela literatura. Sua predileção é pelos números.
     A sócia do São Luís Shopping, com a colaboração do secretário de Cultural, Luiz Bulcão, mantém fechada há mais de um ano a Biblioteca Pública Benedito Leite, em São Luís, sob pretexto de que fazer uma reforma no prédio. Em seu primeiro mandato como governadora, Roseana Sarney (1994-1998) pagou uma reforma geral do prédio. Menos de dez anos depois o CREA-MA interditou o prédio inaugurado na década de 50.
     Fora de São Luís, a governadora não tem priorizado a abertura de bibliotecas. Sem uma fonte de pesquisa no município, os estudantes de Fortaleza dos Nogueiras aguardam a inauguração do Farol da Educação, rede de bibliotecas inspirada no modelo curitibano importado para o Maranhão pelo deputado federal Gastão Vieira (PMDB).
     Inacabado, o prédio se deteriora. O prefeito Zé do Povo (PDT) é um dos gestores municipais argolados pela governadora. Sem dinheiro para concluir a obra, de responsabilidade da Secretaria de Estado da Educação, e promover melhorias para a cidade como pavimentação de ruas, Zé do Povo é obrigado a integrar o curral eleitoral da governadora.
    Aliada de Lula e Dilma, Roseana vende a ideia de que se espalha no governo federal. O Maranhão, no entanto, é um dos estados que tem o mer número de bibliotecas no país. Fortaleza dos Nogueiras faz parte dos 8% de municípos brasileiros que não possuem bibliotecas municipais, segundo Censo Nacional das Bibliotecas Públicas Municipais.

Produtores e artistas indignados com deficiências na administração do Teatro Arthur Azevedo

     O Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculo de Diversão do Maranhão, SATED-MA, e produtores culturais iniciam nesta terça-feira, 17, um movimento em favor do Teatro Arthur Azevedo. Por conta de uma administração equivocada, a Casa de Apolônia Pinto caminha para a agonia. Tudo parece premeditado para fechar mais uma vez aquele prédio para a enésima reforma que consumirá milhões de reais e retirará o Maranhão do circuito cultural.
     Produtores e artistas reclamam principalmente da taxa de aluguel do TAA, hoje no valor de R$ 900,00, sem retorno de serviços à altura. Arbitrada sem diálogo com a classe artística a taxa é um estorvo para a produção artística nativa. Diante da falta de patrocínio os artistas maranhenses são privados da utilização do principal espaço cultural da cidade.
     O secretário de Estado da Cultural, Luiz Henrique Bulcão, não quer nem saber de conversar sobre o assunto. Nega qualquer audiência solicitada com objetivo de tratar sobre o Arthur Azevedo. Provoca a indignação tanto de artistas como de produtores.
     Reinaugurado na administração do governador José Reinaldo Tavares, que reduziu em mais da metade o valor da reforma planejada pelo diretor carioca Fernando Bicudo na segunda gestão de Roseana Sarney, o Teatro Arthur Azevedo hiberna na antiguidade. Sem contar com os serviços da informatização, o espectador tem que comprar o ingresso no local muitas vezes sem saber se encontrará lugar.
     O método antiquado e não mais usado pelas casas de espetáculo do país será usado mais uma vez nesta terça-feira no show de João Bosco. Com ingressos já esgotados, resta ao público correr para pegar o melhor lugar. Não é difícil haver engalfinhamento na platéia na briga pelo melhor lugar, já que o ingresso é de preço único e não há numeraçãode bilhete.
     O diretor Roberto Brandão abre o show. Notório vocalista do Boi Barrica (não a operação, mas o grupo) e do Bicho Terra, Brandão é uma escolha pessoal de Bulcão tanto quanto um sobrinho seu que administra o Espaço da Lagoa e um cunhado lotado na administração do Teatro. Tudo em famiglia, como ensina o chefe maior. Enquanto isso, o Teatro se despedaça na falta de conservação. Tudo pensando em colocar em cena mais uma reforma milionária.

TVs incluem em suas grades programas sobre eleições

     A RedeTV! estreia esta semana dois programas sobre as eleições deste ano. Com direção de Krishma Carreira e apresentação dos jornalistas José Roberto de Toledo e Patrícia Zorzan, "Eleição em Números" começa nesta terça-feira (17/08), com discussões e análises dos resultados das pesquisas eleitorais. O programa vai ao ar após o "RedeTV! News", às 22h10.
     O "Vote Certo" será em formato de boletim, feito por repórteres da emissora e estreia na quarta-feira (18/08), dentro do "RedeTV! News". O quadro vai divulgar dados e contar histórias das eleições. Com um minuto de duração, os próximos boletins irão ao ar três vezes por semana, durante os intervalos da programação.
Entrevistas com presidenciáveis - O SBT vai entrevistar os principais candidatos à Presidência da República a partir do dia 31/08. Estarão na bancada do “SBT Brasil” Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Plínio de Arruda Sampaio (PSOL). Cada um terá direito a 14 minutos. As entrevistas serão conduzidas pelos apresentadores Carlos Nascimento e Karyn Bravo.

TRE solicita imagens da briga entre político e jornalista no Acre

Anderson Scardoelli
     O Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) solicitou à TV 5, afiliada da Band, as imagens na íntegra da briga entre João Correia, candidato ao Senado pelo estado, e o jornalista Demóstenes Nascimento, apresentador da emissora.
     O pedido foi feito pela juíza Denise Bonfim, relatora do processo. Ela informou que o material bruto foi entregue pela emissora na manhã de sábado (14/08) e já foi analisada, mas ela ainda não pode divulgar a sua decisão.
     "Até amanhã (17/08) sai a minha decisão sobre este caso", informa Denise.
     Além do parecer, Denise terá que escolher qual órgão será responsável pela investigação. Os dois envolvidos registraram boletim de ocorrência na Polícia Civil e Correia também procurou a Polícia Federal.
     De acordo com Correia, o vídeo completo da entrevista e da discussão vai servir para provar que ele apanhou do jornalista e foi "brutalmente agredido verbalmente". "Todos poderão ver que foram quatro minutos de espancamento", diz.
Do Comunique-se

Denúncias envolvendo Roseana Sarney são as mais comentadas no site do Estadão

Das dez reportagens mais comentadas no site do jornal O Estado de São Paulo, ao menos três aludem diretamente à governadora Roseana Sarney (PMDB), candidata à reeleição. Suspeita de ter lavado dinheiro através do Banco Santos, a goverradora rebate as acusações.
     Roseana Sarney diz que o jornal está a serviço da oposição. Sob censura há 382 dias o jornal O Estado de São Paulo foi proibido pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJ-DF) em 31 de julho do ano passado de noticiar fatos relativos à operação "Boi Barrica" (rebatizada de Factor) da Polícia Federal envolvendo o irmão da governadora, o empresário Fernando Sarney.

+ comentadas
01 Roseana lavou dinheiro, indicam papéis
02 Ibope: Dilma abre 11 pontos sobre Serra e ...
03 Israel rejeitará garantias dadas aos ...
04 Dilma abre 8 pontos sobre Serra, aponta ...
05 Roseana só regularizou acordo pouco antes da ...
06 Em vídeo, Lula pede 'sacrifício' por Dilma
07 Acusação tem caráter eleitoral, diz ...
08 Em clima de pagode, mais ''Zé'' e menos ...
09 Como a sisudez deu lugar ao sorriso
10 Artilheiro, Bruno César lamenta derrota e ...

Manchetes dos jornais

CORREIO DE NOTÍCIAS - Mais de 80 mil eleitores vão votar em trânsito
JORNAL PEQUENO - Roseana só regularizou acordo perto da intervenção no Banco Santos
O ESTADO DO MARANHÃO - Jornal do Pará "entrega" 2ª Esquadra ao Maranhão
O DEBATE - Início da propaganda eleitoral
O IMPARCIAL - Petrobras abre vagas para formar mão de obra

Procurador pede investigação sobre Roseana e Banco Santos

     O procurador da República Silvio Luis Martins de Oliveira, do Ministério Público Federal em São Paulo, pediu nesta segunda-feira, 16, para a Procuradoria-Geral apurar as denúncias de suposta lavagem de dinheiro cometida pela governadora do Maranhão, Roseana Sarney.
     Em ofício enviado ao procurador-geral, Roberto Gurgel, Silvio de Oliveira considerou “a princípio, ilícitas” as operações financeiras realizadas entre Roseana, o marido, Jorge Murad, e o Banco Santos. O Estado revelou no domingo documentos dos arquivos do Banco Santos que mostram que a governadora e o marido teriam simulado um empréstimo de R$ 4,5 milhões junto ao banco para resgatar US$ 1,5 milhão do exterior.
     Segundo os papéis, no dia 3 de agosto de 2004, cinco dias após a liberação dos recursos no Brasil, Roseana e Murad liberaram US$ 1,5 milhão para Edemar Cid Ferreira, ex-dono do Banco Santos, por meio de uma conta do banco suíço UBS. Roseana nega as acusações e diz que o empréstimo foi regular no Brasil. Por ser governadora, e ter foro especial no Superior Tribunal de Justiça, Roseana só pode ser investigada pela Procuradoria-Geral da República.
O advogado de Roseana, Antonio Carlos de Almeida Castro, minimizou a iniciativa do Ministério Público. "Embora eu ache que não há indícios para abertura de investigação, é sempre bom que haja uma análise técnica, já que os empréstimos são regulares".
Da Agência Estado