19 de jan de 2011

Prefeitura de São Luís paga R$ 145 mil por "puxadinho" em posto salva-vidas do Olho D´Água

    A construção de um "puxadinho" no Posto Salva-Vidas do Olho D´Água feito pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, Semosp, da prefeitura de São Luís se arrasta por cinco meses e está longe de ser concluída.
    Inicialmente prevista para custar R$ 120 mil e ser realizada em 120 dias, a obra sob responsabilidade da Construtora Centauro sofreu majoração do preço  e ganhou novo prazo de conclusão. Com dispensa de licitação, o valor  do início ganhou aditivo de R$ 25 mil. Depois de mais de quase duzentos dias parado, o prazo para conclusão da obra agora é de 90 dias.
    No local operários são vistos sazonalmente. Com a chegada das chuvas o ritmo da construção do "puxadinho" ficou ainda mais lento. A obra é realizada com recursos próprios da Prefeitura . A placa de identificação da Centauro ainda identifica como responsável pela obra o engenheiro maranhense José Anibal Brandão, falecido no mês passado. A empresa é dirigita atualmente pelo filho do engenheiro.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!