24 de jan de 2011

Salgado Maranhão participa no Rio do festival de poesia "A palavra toda"


Salgado Maranhão e Geraldinho Carneiro
     O poeta maranhense Salgado Maranhão é um dos convidados do  "A palavra toda", primeiro festival de poesia da cidade do Rio de Janeiro que acontece no Espaço Sesc, em Copacabana. O festival é uma empreitada de Heloísa Buarque de Holanda, Chacal,  e o jovem poeta Ramon Mello. Maranhão se apresentará nesta terça-feira, 25.
    Para Heloísa Buarque de Holanda nunca se produziu e se veiculou tanta poesia como hoje, por diversas plataformas, desta forma o evento é necessário para celebrar a palavra.
    "É um momento parecido com a época da antologia ("26 poetas hoje", de 1976), aquela vontade de juntar todo mundo", recorda Chacal. "Mas a antologia era mais a praia marginal, fruto de um período meio seccionado, cheio de panelas, antagonismos... Hoje vivemos um período de convergência, fusões acontecendo entre a academia e o que seria a poesia marginal, além da periferia".
    Nos dois dias, há atrações das 18h às 22h. Entre os destaques desta segunda-feira, "A palavra em cena", com Paulo José e Ana Kutner, às 18h30m; "Agora é hora", com Alice Sant'Anna, Mariano Marovatto e Gregorio Duvivier, entre outros, às 19h30m; "Noves fora tudo", com Viviane Mosé e Carlito Azevedo, entre outros, às 20h30m; "Às margens plácidas", com Antonio Cicero e outros, às 21h30m; e "A palavra cantada", com Letuce, às 22h.
    Na terça, prometem "Agora é hora", com Ramon Mello, Omar Salomão, Vitor Paiva e Ericson Pires, entre outros, às 19h30m; "Às margens plácidas", com Geraldinho Carneiro, Chacal, Pedro Lage, Salgado Maranhão e Armando Freitas Filho, às 21h30m; e "A palavra cantada", com Fausto Fawcett, às 22h.
Com informações de O Globo

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!