27 de fev de 2011

Ex-parceira de Jackson do Pandeiro morre aos 87 anos no Recife

    A cantora Almira Castilho, ex-mulher de Jackson do Pandeiro, rumbeira e radioatriz na época de ouro da rádio, morreu aos 87 anos no Recife, na madrugada deste sábado. Altamira sofria do mal de Alzheimer há dois anos e faleceu enquanto dormia.
    Além de ter sido casada com Jackson durante 12 anos (entre 1955 67), ela foi co-autora de pelo menos 30 músicas do artista. Altamira Castilho foi professora, cantora, compositora e atriz, tendo nascido em 1924, em Olinda. Brilhou na Rádio Jornal do Commercio, na época das radionovelas.
    O enterro da cantora ocorrerá neste domingo, no Recife.
No cinema, Almira Castilho participou dos filmes:
Bom Mesmo É Carnaval (1962)
Aí Vem a Alegria (1960) .... Marina
O Viúvo Alegre (1960)
Pequeno por Fora (1960)
Minha Sogra É da Polícia (1958)
O Batedor de Carteiras (1958)
Cala a Boca, Etelvina (1960)
Rio à Noite (1962)

Jackson do Pandeiro e Altamira em "Sebastiana"

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!