25 de jun de 2011

Suplente do DEM espera assumir "em breve" vaga na Câmara Federal

                                                                              Suplente de deputado federal, o terapeuta Mario Henrique Borges de Souza, natural de Riolândia (São Paulo), que disputou a uma vaga pelo DEM na coligação "O Maranhão não pode parar F1" nas eleições de outubro de 2010, nutre concreta esperança de integrar "em breve" a bancada federal do estado na Câmara Federal.
    Em anúncio pago pulicado na edição deste sábado do jornal "Aqui-MA" do Diários Associados no Maranhão, o suplente Mario Henrique deixa o recado insinuante aos seus eleitores, em especial aos Clube das mães em São Luís e mais 136 dos 217 municípios maranhenses onde conquistou voto.
    A bancada maranhense que assumiu mandato em fevereiro deste ano conta com três suplentes: David Alves Silva (PR), chico Escórcio (PMDB) e Costa Ferreira(PSC), todos da mesma coligação. Mario Henrique declarou ter gasto R$ 26.641,00 na tentativa de ser eleito, cifra muito inferior a reeleitos como Gastão Vieira que declarou ter gasta quase um milhão em despesas de campanha. Com 1.774 votos obtidos no pleito, Mario Henrique está numa posição a perder de vista na lista de suplentes.

Suplente da Coligação “O Maranhão  não pode parar F1”:
Davi Alves Silva Júnior (PR) - 68.602 votos;
Chiquinho Escórcio (PMDB) - 53.547 votos;
Costa Ferreira (PSC) - 51.414 votos;
Ricardo Archer (PMDB) - 48.794 votos;
Paulo Marinho Jr. (PMDB) - 48.139 votos;
Monteiro (PT) - 42.929 votos;
Antônio Bacelar (PV) - 42.430 votos;
Lúcia (PV) - 31.772 votos;
Terezinha Fernandes (PT) - 24.501 votos;
Rodrigo Comerciário (PT) - 23.231 votos.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!