21 de ago de 2011

Concurso de samba-enredo da Beija-Flor em São Luís pode não passar de mise-in-scène

    Vai entrar para a história: o dia em que o Maranhão impôs sua poesia em ritmo de samba à comunidade de Nilópolis (RJ), berço da escola de samba Beija-Flor. Quem viver, ouvirá.
    Antes, 26 maranhenses concorrem na etapa local do concurso do samba-enredo da Beija-Flor de Nilópolis, que cantará  “São Luís - O Poema Encantado do Maranhão” na Marquês de Sapucaí do Rio no Carnaval 2012.
    Alguns dos inscritos são compositores há uma vida, como Oberdan Oliveira (ex-Nonato e Seu Conjunto). Outros têm know how  em certames, como Zé Lopes, Gilvan Mocidade, etc. Há estreias no ramo,  como a de José Figueredo, turismólogo histórico de São Luís.
    Todos, porém, devem apenas participar do mise in scène que a diretoria da escola monta no Maranhão para deixar que os nativos se sintam incluídos. Quão semelhante à "política cultural" do governo Roseana na gestão Luiz Henrique Bulcão. Em resume: mera figuração.
    São os fatos que comprovam: na semana passada o diretor de Carnaval da Beija-Flor de Nilópolis, Laíla, afirmou, que "há muito tempo não percebia a comunidade da escola, tão dividida com relação às composições que estão participando da disputa de sambas-enredo da azul e branco".
    Para participar do concurso na quadra da escola campeã de 2011 no Rio de Janeiro o compositor e parceiros desembolsam até R$ 50 mil, de acordo com informação do marketeiro Vinícius Nagem. No Maranhão a participação no certame foi custeado pelo erário. São outros quinhentos, já que segundo consta a Beija-Flor não dará despesa ao estado.
    "Quando começa um concurso, a gente logo observa a preferência dos segmentos para dois ou três sambas, no máximo. Normalmente é assim. Desta vez, estou sentindo a comunidade dividida entre muito mais obras. Isto se deve à qualidade das composições", mensura Laíla.
     Como parte da política de ufanismo Laíla não se contém:"Estou vibrando com o que escuto na quadra. Este concurso está me tirando o sono, mesmo tendo a certeza de que teremos um grande samba, para realizarmos um grande desfile". Diante do exposto, a dúvida sobra para o incautos.
    No próximo dia 5 de setembro a comissão de carnaval da Agremiação, comandanta por Laíla chegam a São Luís com objetivo de selecionar sambas de compositores maranhenses para se apresentar na quadra da escola. A escolha final será no dia 13 de outubro: dia em que o Maranhão impôrá sua poesia em ritmo de samba à comunidade de Nilópolis.
Compositores  e co-autores de samba-enredos:
1 -José Fernando Rabelo Mendes/João José Rabelo Mendes (Bacuri)
2 -Raimundo Nonato Barroso de Oliveira – Dico Barroso/Maria do Perpétuo Socorro Soares Teixeira – Socorro Teixeira (Paço do Lumiar)
3 -Pedro Rodrigues de Araújo/David Nunes de Araújo (Boa Vista do Gurupi)
4 -Cláudio Santos Sousa ------ (Rosário)
5 -Luiz Regis Furtado – Regis Furtado/Oberdan Nascimento Serra de Oliveira – Oberdan Oliveira (São Luís)
6 -Ricardo Moreno Gonçalves Melo – Ricardo do Cavaco/Marcos Paulo Lopes Silva, Paulinho Sabujá
José Istênio de Melo – Zeca Melo de Penalva e José Raimundo Cardoso Serra – Serrinha (São Luís)
7 -Marco Antonio Lago – Marco Lago/Cláudia Elita Lago – Cláudia Lago (São Luís)
8 -Júlio Vinicius Guerra Nagem – Vinicius Nagem -------- (São Luís)
9 -José Gomes de Figueiredo – José Figueiredo --------- (São Luís)
10 -Alysson Gustavo de Sá Ribeiro – Alysson Ribeiro/Domingos Santos Lopes – Dominguinhos Lopes,
Paulo Felipe Costa Martins – Paulo Felipe e Renato Bruno Guimarães Paixão – Renato Guimarães (São Luís)
11 -Levi Lima Carvalho – Levi Carvalho/ Egilena Silva Santos – Lena Santos (São Luís)
12 -Darlan Williams de Oliveira – Darlan Oliveira/Lucas Conceição Vieira Neto – Lucas Neto
Vinicius Hakã França da Silva – Hakã Silva (São Luís) São Luís
13 -Jailson Pereira Boas – Jailson Pereira/Vicente Anastácio Melo – Vicente Melo Wendson e Douglas Ribeiro Oliveira – Dennys Melodia (São Luís)
14 -José Pedro Pereira Costa – Pedro Costa ------- (São Luís)
15 -José Istênio de Melo – Zeca Melo de Penalva ------- (São Luís)
16 -Gilvan Moura Lima de Araújo – Gilvan Mocidade/José Lopes Filho – Zé Lopes e Luiz Carlos Henrique – Oró do Pandeiro (São Luís)
17 -Valmir Sales Lima – Valmir Sales/Reinaldo Coqueiro Rodrigues – Coqueiro da Vyla (São Luís)
18 -Josias Eduardo Silva Silva Filho – Josias Filho/Luzian Silva Fontes Filho – Luzian Filho e Welley Pericles Costa de Almeida e Gutemberg Maia Sousa – Mestre Gut (São Luís)
19 -Gislenaldo Machado Moreira – Gigi Moreira/Walasse Ribeiro Godinho – Wallasse Godinho e Wilson Raimundo Tavares Silva – Wilson Bozzó (São Luis)
20 -Carlos Quirino dos Santos Filho – Quirino do Cavaco/Antonio Carlos Araújo Ferreira – Carlos Cuica , José de Ribamar Fontoura Lobato Neto – Neto Peperi Carlos e Magno Dantas Silva – Magno Dantas e João Eudes Martins Júnior – João Eudes (São Luís)
21 -Márcio Henrique Guterres Guimarães – Márcio Guimarães ------- (São Luís)
22 -Sílvio Henrique dos Santos Rayol – Sílvio Rayol /Carlos Augusto Pinheiro Diniz – Carlinhos Diniz
e Paulo Henrique Martins Rayol – Paulinho Rayol (São Luís)
23 -Mary Cristina dos Santos Gomes ------- (São Luís)
24 -Alex Costa de Oliveira – Alex Gamboa/ Leonardo Pereira de Souza e João Paulo da Silva Falcão (São Luís)
25 -Francisco Paulo de Almeida Júnior – Chico Nô -------- (São Luís)
26 -José Luís Carvalho dos Santos – Professor José Luís/José Luiz Carvalho dos Santos Júnior – Luiz Júnior e Adelino Carvalho dos Santos – Maestro Adelino (São Luís)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!