17 de mar de 2011

Nos anais da Assembleia Legislativa do Maranhão - Sessão ordinária do dia 17 de março de 2011

O SENHOR DEPUTADO MANOEL RIBEIRO – Eu sou dono de imprensa, tenho 20 rádios, 04 televisões, mas nas nossas empresas nós não consentimos isso, nós somos a favor da democracia da imprensa livre, mas a imprensa para fazer patrulhamento ideológico discordamos totalmente, e estamos a favor aqui do Deputado Carlinhos Amorim, porque aqui nesta Tribuna ele tem direito a voto, a palavra, e é livre, não para ser interrogado, ser interpelado por quem quer que seja, ele deu a sua opinião. Agora o jornalista não pode ameaçá-lo.

A SENHORA DEPUTADA ELIZIANE GAMA – E nem vice versa, eu acho que nós precisamos...

O SENHOR DEPUTADO MANOEL RIBEIRO - Deputada, eu estou com a palavra, V. Ex.ª tem que ter educação. Presidente garanta a minha palavra.

A SENHORA DEPUTADA ELIZIANE GAMA - Eu acho que nós precisamos analisar a questão constitucional aqui na Casa...

O SENHOR PRESIDENTE DEPUTADO ARNALDO MELO – Deputada Eliziane, por gentileza o Deputado Manoel Ribeiro está com a palavra.

O SENHOR DEPUTADO MANOEL RIBEIRO – Quando ela falou, eu não me meti, agora ela quer ser mal educada eu serei também, e bastante mal educado, eu sei de nome feio como que, então me respeite. Então Senhor Presidente eu quero hipotecar solidariedade ao Deputado Carlos Amorim que ele tem toda liberdade de expressão, voto e palavra aqui nesta Casa. Agora, o jornalista tem o direito de fazer a sua reportagem, mas não desrespeitá-lo e ameaçá-lo começar interrogando.

A SENHORA DEPUTADA ELIZIANE GAMA – E vice e versa, principalmente porque o jornalista parece que é o lado mais fraco nesta história.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!