15 de mar de 2011

Servidores de hospital público de Timon estão há três meses sem salários

    O atraso de três meses no pagamento dos mais de 400 servidores contratados do Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco, de Timon, continua sem nenhuma solução apresentada tanto pela direção geral daquela Casa de Saúde, assim como pelo secretário de Estado da Saúde, deputado Ricardo Murad, que têm demonstrado insensibilidade em relação ao caos que se instalou na saúde pública do Maranhão.
    Há quem diga que o Hospital Alarico Pacheco bem que poderia ser chamado de “Matadouro Alarico Pacheco”, isto porque, está com as portas abertas, mas não atende dignamente os pacientes que procuram por serviços médicos.
    Para se ter ideia, segundo uma fonte bem informada, o secretário Ricardo Murad não abre mão de passar a administração geral do HRANP para o controle da Fundação Hospitalar do Maranhão, órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde, que passaria a gerir a folha de pagamento e as despesas com medicamentos, material cirúrgico e produtos alimentícios para os pacientes.
Do Blog do Ademar Sousa

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!