2 de fev de 2011

Alexandre Almeida confessa sua devoção por Fernando Sarney, Roseana Sarney e José Sarney


Alexandre Almeida

    O deputado estadual estreante Alexandre Almeida (PTdoB),27 anos, ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa do Maranhão para fazer uma confissão de afeto e devoção: seu sentimento por Fernando Sarney é muito além da representação outorgada por 18.344 eleitores, 0,6% do eleitorado maranhense que o elegeu em 2010.
    "Quero registrar a minha relação pública de afetividade com o empresário Fernando Sarney", desvirginou-se, publicamente, Almeida no primeiro discurso como parlamentar.
    Poderia a declaração ser tomada como um arroubo juvenil não prosseguisse o mesmo em heresias.
    Confinou no mesmo saco os colegas Afonso Manoel (PMDB), Hélio Soares (PP) e Jota Pinto (PR). Em comum disse serem estes também detentores dessa "ligação de afetividade, de amizade, de carinho, de atenção" com o filho mais velho do Senador José Sarney (PMDB-AP).
    Foi o desprezo do deputado Ricardo Murad aos três ungidos pelo empresário, indiciado pelo Ministério Público e pela Polícia Federal por um rosário de crimes, o fator aglutinador do "bloquinho", grupo de 12 estreantes, mais Manoel e Soares, que alicerçaram a derrota do cunhado da governadora na corrida, antes mesmo do tiro de largada. Manoel era indicado por Fernando para ocupar a vice-presidência. Hélio também estava na cota.
    Alexandre Almeida demonstrou e disse ter "coragem para defender os seus". Mal estar provocou ao ex-presidente Marcelo Tavares (PSB), afirmando que a chapa "Unidos pelo Maranhão", vencedora do pleito para a Mesa Diretora, nasceu com o rótulo mais autêntico de governista, sendo a "mais identificada com o nosso grupo político "que toma Sarney como o "maior da atualidade".
    "Nós conseguimos (sic) construir junto governadora Roseana daqui há 4 anos, o grande governo que ela tanto sonhou", preconizou o desmesurado advogado que no mandato tampão da filha do senador José Sarney dirigiu o Instituto de pesos e medidas do Maranhão.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!