12 de abr de 2011

Computadores do Centro de Ensino Helena Antipoff são inutilizados em inundação

Centro de Ensino Helena Antipoff no bairro do Ipase (MA)
    Em maio do ano passado o governo do estado se comprometeu a concluir a reforma do Centro de Ensino Especial Helena Antipoff no prazo de 60 dias. Um ano depois a escola da rede estadual de ensino, que durante 15 meses da gestão da peemedebista Roseana Sarney esteve fechada, o prejuízo da educação não cessa. No final de semana passada parte dos computadores da escola localizada no bairro do Ipase, em São Luís, foi inutilizada devido à inundação em suas dependências. O forro de PVC cedeu e a água estragou tudo.
    Os professores da escola não aderiram à greve. A escola tem capacidade de atender até 250 alunos. Em maio de 2010 o promotor Ronald Pereira dos Santos, da Promotoria de Justiça Especializada na Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência,ameaçou mover ação civil pública caso os prazos não fossem cumpridos. Trezentos dias depois a reforma do Centro de Ensino Especial Helena Antipoff ainda não foi concluída. E as restaurações feitas não passaram de maquiagem insustentáveis. Mais um revés na educação do Maranhão em 100 dias do melhor governo da vida da governadora Roseana Sarney.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!!!